Número total de visualizações de página

sexta-feira, 16 de março de 2012

SER POETA


Divagando V

Quem te vê
No teu jeito de ser
O teu sentir…de fogo no peito
Essa tua garra de gente
Na calmaria que tu sentes
Escorrendo a mágoa
Que por dentro te consome
Que por fora é serena
Mas por dentro 
Nunca dorme
2008

Sem comentários: