Número total de visualizações de página

sábado, 8 de junho de 2013

Esperei por ti...




Esperei por ti
Sentado na enseada
E tu…sempre vieste
À ilha dourada
Timidamente, no teu sorrir
Trocámos uns quês e uns olás
Bailando entre a paliçada
Deste-me as coordenadas
Para eu te seguir
Mas acabei por te perder
Ao cair da orvalhada

1 comentário:

Arlindo Serra Silva disse...

Um belo e sentido poema.
From the bottom of the heart


Para que conste, e servir de comprovativo par apublicação do cmentário, não sou um robot. Blip, blip, blip...